Cerrar

 BLOG 

A importância da qualidade do alimento

Você também pode ouvir este artigo em áudio no player acima.

Controle de qualidade de alimentos e segurança alimentar

Para nós, enquanto consumidores, pode parecer muito simples a produção de qualquer alimento. Acontece que, para chegar a excelência, houve um trabalho grande realizado pelo Controle de Qualidade de Alimentos.

Os empresários do ramo alimentício entendem bem a quantidade de exigências que precisam ser atendidas para produzir alimentos e bebidas no Brasil.

As empresas que trabalham com alimentos e bebidas – obrigatoriamente – devem seguir algumas normas de controle que possibilitam atingir a qualidade exigida. E esta não é uma preocupação recente. A atenção para a padronização dos alimentos e bebidas que recebemos da indústria para o consumo começou após a Primeira Guerra Mundial, momento em que a produção de alimentos de qualidade tornou-se uma necessidade; mais do que isso, uma estratégia de guerra naquele momento histórico. Conforme as circunstâncias, os países perceberam que poderiam enfraquecer seus oponentes cortando o abastecimento de alimentos e bebidas de qualidade. Desta maneira, percebeu-se a necessidade de estabelecer regras que protegessem ao máximo as propriedades nutricionais de seus próprios mantimentos produzidos. De lá para cá, os procedimentos se aperfeiçoaram com diversas políticas públicas no sentido de oferecer alimentos cada vez melhores.

Segurança alimentar x segurança de alimentos: dois conceitos essenciais

A segurança alimentar é um conjunto de políticas públicas executadas para promover o acesso universal à alimentos de qualidade nutricional. Estas políticas têm por objetivo elevar o padrão dos alimentos consumidos e incentivar o mapeamento do acesso da população mundial a uma alimentação adequada, conforme os estudos liderados pela Organização das Nações Unidas – ONU.

Já a segurança de alimentos é o controle dos alimentos feito pela empresa que os produz, obtido por políticas internas de gestão da qualidade que atendam às exigências do mercado e estejam de acordo com as normas vigentes. Já vimos no artigo anterior que a qualidade é, cada vez mais, sinônimo de competitividade. Ter uma boa política de gestão de qualidade dos alimentos é essencial para o empresário e muito bom para o consumidor.

Iniciando uma produção qualificada

A preocupação com o Controle de Qualidade de Alimentos deve existir desde o início da empresa. Importante lembrar que as boas práticas da qualidade garantem a padronização e alimentos livres de agentes químicos, físicos e biológicos.

A grande ameaça ao padrão sanitário adequado, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), é justamente o processo manual, fase que concentra o maior risco de contaminação. Este problema pode ser eliminado com bons equipamentos de automação industrial, os quais, além de elevar a qualidade, ainda reduzem custos, desperdícios e estimulam o faturamento.

O principal critério a ser adotado pelo empresário que planeja elevar sua produção com segurança é estar atento às Boas Práticas de Fabricação. As Boas Práticas são medidas oficiais adotadas pela indústria de alimentos que buscam a qualidade sanitária ideal. Elas são um conjunto de normas regulamentadoras da indústria, disponíveis no portal da Anvisa – Agência de Vigilância Sanitária, que conferem segurança ao consumidor e elevado grau técnico para a empresa.

Conheça algumas ações relacionadas às Boas Práticas de Fabricação – BPF:

  • limpeza das instalações;
  • higiene pessoal;
  • matéria prima qualificada;
  • maquinário adequado;
  • produtos protegidos de contaminação.

Para elevar o nível da sua empresa, o primeiro passo é olhar o processo produtivo como um todo, desde a manipulação do alimento (se houver) até sua conservação, adotando embalagens de qualidade em processos automatizados que eliminem riscos ao produto.

As boas práticas adotadas contribuem para a segurança de seu produto, trazendo reconhecimento para a marca, credibilidade e qualidade. Todos estes pontos são fundamentais para o empreendedor que busca expandir seu negócio.

Portanto, se você quer conquistar clientes e fidelizá-los, implemente agora mesmo as boas práticas de fabricação e controle de qualidade de alimentos. Os clientes agradecem e o seu faturamento também.

No próximo artigo, daremos sugestões para elevar a qualidade de seu produto. Acompanhe nosso blog!

Precisa de Máquinas Envasadoras? Fale com a Profills!

Compartilhe!

Índice